ANGÚSTIA (Leni)

E o mundo parou, no momento supremo em que estava ao teu lado.
E você era o céu, a estrela, era a vida…
era a luz, que nas horas de angústia, de dor,
me sentindo perdida, meus passos guiava.

E com sede de amor, eu fiquei em teus braços,
feliz…sonhadora
esperando que as horas parassem pra sempre
e eu pudesse ficar com você e ser tua,
e envolvida em teus braços, esquecer dos meus dias.

Eu quisera poder mergulhar em teus olhos
e sorver esse amor que procurei…sonhando…
e jamais encontrei…
mesmo  assim, me enganando, eu queria ficar com você para sempre.

Mas, senti de repente, que tudo passava…
os dias corriam, a noite chegava, e fiquei triste e só…esperando você.
Mas, as horas, sem pena, passavam depressa
e numa sombra de dor, novamente envolvida,
eu fiquei esperando você – que não vinha –

Percebí, afinal, o meu sonho acabando
e nascendo outro dia…e a solidão chegando…
e na triste manhã, quando o dia acordou,
como o mundo, também, minha vida parou

Anúncios

ESPERA (J G de Araújo Jorge)

Se tivesses mandado uma palavra -“Espera”-
Sem mais nada…nem mesmo dizer até quando
eu teria ficado até hoje esperando
era a eterna ilusão de que foras sincera.

Que importaria a vida, o sol, a primavera,
se tu eras a vida…o sol…a flor desabrochando…
se tivesses mandado uma palavra -“Espera”-
eu teria ficado até hoje esperando.

Não mandaste…tu nada disseste e eu segui,
sem saber que fazer da vida que era tua,
procurando com o mundo, esquecer-me de ti.

Porém, o destino, irônico e mordaz,
ontem fez-me cruzar com teu olhar na rua,
ouvir-te dizer -“Espera”-
e ser tarde demais…-