DESILUSÃO (Leni)

Sorrindo te busquei…e a brisa era amena
e podia até mesmo sorrir da tristeza
que tão alto cantava, querendo afastar
de minh’alma, a beleza.

Sorrindo te busquei…e a brisa era pura
e podia sorrir e sair pela rua,
sonhando, ansiosa, com o doce encanto
da presença tua…

Sorrindo te busquei…e a brisa era vida,
que iria de estrelas salpicar meu céu
de encantos e flores, enfeitar meu mundo,
de aromas e risos, coroar meu sonho.

Sorrindo te busquei…e eis que finalmente
te encontro, e…fatalmente, não me reconheces !
Nos olhos meus, não vês aquele brilho antigo,
pois perdi nos caminhos, a sonhar contigo

E sem poder sorrir, soluçando voltei
e maldisse aquela hora, que sorrindo te busquei..

Anúncios